Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O exame mais rápido da minha vida

por Maki, em 15.06.16

Depois de enfardar o almoço o mais rápido que consegui, corri para o metro, quando cheguei lá, toda suada e porca reparei que se o metro não se atrasasse não teria que correr depois de sair dele, apesar disso quando sai do metro resolvi andar depressa. Entrei na sala onde supostamente pertencia até que o professor me avisou que não havia mais lugares e mandaram-me para outra. Agora sim estava mesmo em cima da hora. Cheguei à outra sala, ainda ninguém tinha os enunciados à frente, por isso respirei de alivio e sentei-me. Depois de me sentar reparei que ninguém me era familiar. Ninguém... mas como sou má com caras e nunca fui muito social no curso caguei um pouco no assunto. Olhei para o professor e também nunca o tinha visto... Mas por vezes os professores que dão os exames não são da cadeira, não dei importancia e tirei a calculadora. 

Entretanto o professor começa a dar os enunciados dos exames... Era exame de MO... Eu não sai de casa para fazer exame de MO... Eu não tenho MO. Devolvi o enunciado e sai da sala o mais rápido e silenciosamente que consegui. Verifiquei o calendário... Enganei-me no dia do exame... Corri, comi depressa, e fiquei toda suada para chegar a horas a um exame que não era o meu. 

Foi um bom dia.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:54

Ontem após um exame em relação ao qual não tinha muitas esperanças resolvi ir dar uma voltinha à feira do livro para desaluviar a cabeça e sair do estado de depressão em que estava. Realmente andei por lá feliz da vida.... Durante demasiado tempo... Para alem de ter acabado os fundos para a Feira, apanhei um escaldão lindo em 1/3 dos ombros. Sim... 1/3 que o resto estava tapado pelas alças da mochila. Devo dizer que estou extremamente sexy e que apesar de fazer mal e doer como o caraças aconselho qualquer pessoa a tentar este novo estilo. 

Considerando que o céu estava meio nublado podemos considerar que foi uma espécie de castigo divino por estar a gastar dinheiro em vez de me preparar para o proximo exame...

Mas heeeeeeey! Consegui comprar "Dentro do Segredo" e "A Questão de Finkler" a metade do preço para juntar a "A Peregrinação do Rapaz Sem Cor", "1984" e "Galveias", poupei cerca de 40 euros o que não foi nada mau... Mas a minha carteira chora e os meus ombros ardem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:40

Ausencia de vida (social)

por Maki, em 02.06.16

Odeio esta altura da faculdade... No ultimo mês as coisas mais sociais e vida louca que fiz foram a preparação de um laboratório e dizer boa tarde aos caixas do supermercado (também falo com familiares mas de certa forma isso não conta...). Que foram as poucas alturas em que sai de casa... 

Consequencias disto até agora:
-Perdi 2kg;

-Tenho uma tonalidade amarela;

-O meu discurso está ainda menos coerente do que é normal;

-Segundo os meus colegas de grupo o meu sotaque está bastante forte;

-Tenho a barriga super inchada;

-Poupei algum dinheiro (o que é óptimo para posteriormente o esbanjar na feira do livro);

-Tenho tal forma saudades de interagir pessoas que se alguém em convidar para ir a uma discoteca qualquer sou capaz de ir.

 

Com sorte as consequencias futuras para além de um esgotamento também incluem salvar o semestre.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:37


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D